ESTÁDIO BRASILEIRO DE PONTA, CERTIFICADO EM SUSTENTABILIDADE

Mineirão tem motivos em dobro para comemorar: a classificação para as quartas de final da Copa do Mundo dentro do estádio e a conquista da certificação em sustentabilidade mais importante do mundo.

Sucesso dentro e fora do gramado

Mineirão tem motivos em dobro para comemorar: a classificação para as quartas de final da Copa do Mundo dentro do estádio e a conquista da certificação em sustentabilidade mais importante do mundo.

Os mineiros possuem, cada vez mais, grandes motivos para se orgulharem do Mineirão. Além de ter sido palco de uma emocionante vitória da seleção brasileira sobre o Chile, nos pênaltis, no último sábado (28), que classificou o time para as quartas de final da Copa do Mundo, o Gigante da Pampulha acaba de receber a certificação de sustentabilidade mais importante do mundo. O Mineirão foi o primeiro e único estádio do Brasil a conquistar o selo Platinum, certificação máxima do Leadership in Energy and Environmental Design (LEED).

O certificado é concedido pelo U. S. Green Building Council (USGBC) como forma de incentivar o aspecto sustentável de projetos, obras e operações de edificações. A instituição tem atuação em 143 países e no Brasil já certificou outros cinco estádios, porém, nenhum obteve pontuação para obter o selo Platinum como o Mineirão. Maracanã, Arena Pernambuco, Fonte Nova e Arena Amazônia receberam o Leed Silver e o Castelão ficou com o Leed Certified.

Para conquistar a certificação, a Minas Arena cumpriu oito itens considerados pré-requisitos e ainda apresentou inovações sustentáveis que não eram exigidas pela USGBC, o que gerou uma alta pontuação e resultou no Selo Platinum. “Sempre tivemos como foco o compromisso com a sustentabilidade, então fazemos de tudo para garantir eficiência energética e reduzir o impacto. Receber este selo mostra que estamos sendo reconhecidos pelo nosso esforço, pois o novo Mineirão foi todo pensado em cima da consciência ambiental”, comemora o Gerente de Tecnologia da Minas Arena, Otávio Góes.

Conforme explica a supervisora de Meio Ambiente e Qualidade da Minas Arena, Marcela Viana, o Mineirão se destacou, pois além dos requisitos necessários para a certificação, apresentou soluções que não foram solicitadas. O USGBC não pedia, por exemplo, que o estádio apresentasse uma fonte de energia renovável, mas o Mineirão conta com a Usina Solar Fotovoltaica. “Alcançar esta certificação representa um avanço enorme para nós. Estamos realmente satisfeitos por recebermos o reconhecimento de mais de três anos de trabalho. Dedicamos esforços e investimentos para tornar o Mineirão um estádio sustentável desde a concepção do projeto, passando pela reforma e culminando na operação,” detalha a supervisora.

Segundo ela, a construção e atual operação da Usina Solar Fotovoltaica (USF Mineirão), em parceria com a Cemig, reforçam o foco em sustentabilidade do estádio. A Usina tem potência instalada de 1,42 MWp, com cerca de 6 mil módulos fotovoltaicos e toda a energia gerada é injetada na rede de distribuição da Cemig. No entanto, desde a reforma, várias ações de sustentabilidade foram e continuam sendo realizadas pela Minas Arena no Gigante da Pampulha.

Durante as obras, mais de 90% dos resíduos gerados foram reutilizados ou reciclados; as mais de 50 mil cadeiras do antigo Mineirão foram doadas para ginásios e estádios do interior do estado e toda a sucata metálica foi destinada para usinas recicladoras; foram implantados lava rodas para limpeza dos caminhões na saída da obra para evitar sujeira no entorno do estádio, mas com um sistema ecoeficiente, com reaproveitamento da água por meio de caixas de decantação e bombas, com economia média de 18 mil litros de água por dia.

Desde o período de reforma, foi implantado o sistema de coleta seletiva, utilizada até hoje no dia a dia do estádio e em dias de jogos. Outra iniciativa em prol do meio ambiente foi a construção de reservatórios com capacidade de armazenamento de mais de 5 milhões de litros de água das chuvas. Essa água captada é reutilizada para encher bacias, mictórios e irrigar o campo por até três meses de estiagem. O processo gera uma redução de até 70% no consumo de água do estádio. O Mineirão conta também com restritores de vazão de água de mictórios, torneiras e chuveiros, que diminuem o consumo cerca de 10% no volume de água utilizado nos banheiros.

“A conquista da certificação é fruto de um trabalho rigoroso desenvolvido desde o momento da concepção do novo estádio, em que responsabilidades ambiental, social e financeira foram devidamente planejadas e, agora, reconhecidas”, destaca Tiago Lacerda, secretário de Estado de Turismo e Esportes de Minas Gerais (Setes).

Sobre a Minas Arena –  A Minas Arena é uma Sociedade de Propósito Específico (SPE) responsável pelo investimento e execução das obras de reforma e modernização do Mineirão, por meio do contrato de parceria público-privada (PPP) firmado com o Governo do Estado de Minas Gerais e gerenciado pela Secretaria de Estado de Turismo e Esportes (Setes/MG). Constituída pelas construtoras Construcap, Egesa e HAP Engenharia, a Minas Arena tem o direito de explorar a comercialização do estádio e estruturas coligadas por 25 anos, sendo obrigada a cumprir metas de qualidade operacional e de gestão.

Sobre o LEED –  O sistema LEED  (Liderança em energia e projeto ambiental) de certificação green building do U.S. Green Building Council é o programa mais importante do mundo para o projeto, construção, manutenção e operação de green buildings. O LEED busca otimizar o uso dos recursos naturais, promover estratégias de regeneração e restauração, maximizar os aspectos positivos e minimizar as consequências ambientais e de saúde humana da indústria de construção, e proporcionar ambientes internos de alta qualidade para os ocupantes da construção. A certificação LEED demonstra liderança, inovação, gestão ambiental e responsabilidade social. O LEED oferece aos proprietários e operadores de construções as ferramentas que precisam para melhorar imediatamente o desempenho da construção e a conclusão.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s