Acredite: você vai achar pelo menos um ou outro alimento desses aqui na sua geladeira

01Dia desses, na casa de um amigo, senti sede e fui na cozinha. Lá encontrei uma porta em folha dupla, prateada, uma monstruosidade de inox e, quando abri, uma luz me cegou e vapores cintilantes emanavam do chão. Parecia que tinha aberto as portas do paraíso, mas era só a geladeira do cara mesmo. Devo ter visto outras assim em seriados americanos (acho que praticamente em todas as casas de qualquer seriado), e parece que a tendência é que elas fiquem ainda mais colossais. É mesmo necessário esse tamanho todo? Quem guarda tudo isso de comida numa geladeira? Precisa mesmo refrigerar esse ou aquele alimento? É o que vamos ver:

1. Pão

Guardar pão na geladeira pode preservá-lo do mofo, mantendo-o duro e sendo eficaz caso você queria conservá-lo por alguns dias. O pão fica seco e perde o sabor e, se quiser guardar baguetes, é melhor cortá-la em pedacinhos para facilitar na hora de descongelar. Tudo isso pra comer um pãozinho? Parece ser tão prático…

2. Café

Aparentemente, começaram a guardar café na geladeira também. A condensação afeta o sabor dos grãos e do pó, sendo mais recomendado guardá-los num potinho de cerâmica em algum lugar escuro. Isso também serve para chocolate em pó (mas não faz diferença em achocolatados, lembre-se disso)

3. Ovos

Este é uma assunto controverso: geladeiras já vêm com o compartimento para ovos, então qual a dúvida nisso? Bem, há adeptos da temperatura ambiente também. E ambos os lados parecem ter argumentos bastante convincentes para defender seus pontos de vista. Para tentar solucionar a discussão, o jornal britânico Daily Mailencomendou uma pesquisa e os resultados foram assim: iguais. Não houve diferença entre os ovos guardados na geladeira e aqueles em temperatura ambiente. Pelo jeito não há necessidade disso, né?

4. Manteiga

Por ser um alimento baseado no leite, há muito receio de deixar a manteiga fora da geladeira e ela estragar. De fato, no ambiente refrigerado, as bactérias se multiplicam mais lentamente. Mas não vai evitar que estrague uma hora ou outra. Guardar ou não na geladeira depende então da frequência com que você usa esse alimento.

5. Mel

Exceto se quiser mel crocante, não precisa deixá-lo na geladeira. Mel dura para sempre na sua despensa mesmo. Não é a toa que usavam para embalsamar cadáveres e tal.

6. Bolos

Alguns tipos de bolo precisam ficar na geladeira, embora, com o tempo, eles fiquem cada vez mais secos. Aqueles com uma cobertura bem simples podem ficar fora, num recipiente hermético, por até uns três dias. Se não for comer tudo de uma vez, então use o refrigerador como aliado (mas como assim você não vai comer isso agora?!).

7. Abacates

Depende de onde o abacate se encontra no seu ciclo de amadurecimento. O processo cessa no frio e abacates mais verdes precisam de um lugar em temperatura ambiente para atingir sua textura celestial.

8. Bananas

Se quiser inibir o amadurecimento, coloque-as na geladeira. Bananas verdes desenvolverão uma cor amarronzada durante a refrigeração (mas nada preocupante, apenas estética) – nesse ponto já pode tirá-las para continuar seu ciclo.

9. Melões

Melões devem permanecer fora para adoçar. Somente depois de cortados que devem ir para a geladeira.

10. Tomates

Mostre isso para sua mãe: nunca deixe tomates na geladeira! O frio afeta a estrutura celular desse fruto, tornando sua textura desagradável. Também quebra os ácidos, açúcares e compostos que compõe o sabor. Devem ser armazenados em temperatura ambiente e longe de luz solar direta.

11. Batatas

Quando dizem para deixar em “lugar fresco e longe de luz”, geralmente pensam na geladeira para isso. No caso das batatas, a refrigeração  é fria demais, causando alteração no sabor e cor da batata

12. Cebolas

A mesma regra do “lugar fresco e longe de luz” se aplica as cebolas. Elas não gostam de geladeiras: preferem um lugar com circulação de ar. Mas lembre-se de deixá-las longe das batatas.

13. Alho

Igual as cebolas, alhos gostam de lugares com boa circulação de ar e mantê-lo na geladeira afeta o sabor de qualquer coisa ao seu redor. Deixe-os em saquinhos de rede, onde duram de três a cinco meses.

14. Molho de pimentas

Podem viver alegremente no armário por até três anos. Aliás, o frio afeta o “calor” e a viscosidade do molho.

15. Condimentos

Embalagens de mostarda e ketchup já alertam que precisam ser armazenadas no refrigerador, mas as substâncias têm seus próprios ácidos em quantidade suficiente para se manterem na despensa por um bom tempo. Na verdade, isso depende de você: fora da geladeira, o sabor e a textura dos condimentos se mantêm por até um mês.

Depois disso, espero que tenha sobrado mais espaço no seu refrigerador!


Fonte: Mother Nature Network

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s